Lucena e Milani Sociedade de Advogados

Menu

Especialista em Crimes Cibernéticos alerta para novo golpe no Whatsapp

Especialista em Crimes Cibernéticos alerta para novo golpe no Whatsapp

Na última semana um novo golpe anda circulando pelo aplicativo de mensagens instântaneas Whatsapp. O texto que informa que estão abertas as incrições para a liberação do 13º salário para os beneficiários Bolsa Familia. A fraude que segundo Especialistas em Direito Digital já atingiu mais de 180 mil pessoas, registra pelo menos mil novos acessos ao golpe por hora.

O Advogado Especialista em Crimes Virtuais, Dr. Jonatas Lucena explica que como em outros golpes a mais nova tática dos hackers disseminada pelo aplicativo, se dá quando o usuário/vitima toca no link recebido e é estimulado a responder a uma breve pesquisa onde fornece dados pessoais como CPF, RG, nome completo, data de nascimento, entre outros.

“As vitimas também são incentivadas a compartilhar o link malicioso com os seus contatos ou grupos para ter acesso ao benefício, o que torna o crime cibernético uma verdadeira bola de neve que atinge um número infindo de pessoas” afirmou o Especialista em Direito Tecnológico.

Temática frequente utilizada pelos cybercriminosos, conhecidos como hackers, os programas de governo têm bastante apelo perante a população mais carente, o que torna este novo golpe um verdadeiro sucesso para os criadores do link malicioso.

Por fim, a vítima é induzida a conceder permissão para receber futuras notificações – provavelmente novos golpes – sendo direcionado a downloads de apps infectados com vírus. Quando o usuário segue todos os passos indicados, ela passa a receber avisos de fraudes diretamente na tela de seu dispositivo móvel, via notificação, onde é necessário apenas um toque para abri-lo.

Para se proteger contra este novo golpe disseminado pelos Whatsapp e outros que com certeza estão sendo desenvolvidos por estes cybercriminosos, o Especialista em Crimes Virtuais Dr. Jonatas Lucena, alerta para a necessidade de sempre verificar se o link recebido é verdadeiro e utilizar soluções de segurança que tenham detecção automática de phishing em apps de mensagens e redes sociais, em principal.