Saiba como identificar um aplicativo falso e não caia mais em armadilhas

0
133

 Simples distração pode comprometer sua segurança

Já invadiram o computador, o e-mail, as mensagens, fotos e vídeos. Mas como só isso não é o bastante, agora entraram nos aplicativos de celular. Os famosos hackers descobriram mais um meio de tirar vantagens sob as pessoas e lucrar com isso: fazendo uso de aplicativo falso. Eles simplesmente fazem uma simulação quase que perfeita dos aplicativos para celular e colocam à venda no Google Play e já conquistam suas vítimas.

A semelhança com a qual eles fazem, impressiona. Por exemplo, o WhatsApp:

A princípio, você diria que todos os verdes são iguais. Mas há diferenças. O nome da empresa que criou e publicou o aplicativo deveria ser a mesma, para todos que estão disponíveis acima, se fossem verdadeiros, mas não é. Uma é “WhatsApp Inc.” e outra, por exemplo é “WhatsApp Inc.*.”. Isso faz toda diferença. Os criminosos são inteligentes e ágeis: criaram um nome parecido com o da empresa oficial para que passe despercebido aos nossos olhos. Olhar o nome de quem desenvolveu antes de fazer a instalação é imensamente importante e relevante para que esse tipo de golpe não faça mais vítimas.

Mas só isso não basta porque como no caso ilustrado acima você continuaria na dúvida entre os aplicativos falsos e verdadeiros, afinal o que mudou foram sós os pontos e vírgulas do nome. O ideal, além de checar o nome da empresa seria ficar de olho nos comentários e nas notas que as pessoas postam. Assim, dá para ter uma noção do que é bom ou ruim e descobrir se o aplicativo é falso ou verdadeiro. Se você notou a fraude, compartilhar isso nos comentários ajudaria muita gente a não ficar suscetível a esse tipo de emboscada.

Quando um aplicativo não está disponível no Google Play, é necessário habilitar a função fontes desconhecidas. Isso não é bom porque pode prejudicar seu Android e deixá-lo vulnerável, já que o app não é reconhecido. Não baixar links de forma direta, disponibilizados em fóruns e chats também é uma dica.

Um dos maiores perigos que podem causar grandes riscos é a permissão de acesso quando vamos baixar um aplicativo. Quando clicamos em instalar, eles pedem para que concordemos com alguns termos. Às vezes nem reparamos no que é pedido e sem nem ler direito as condições apertamos o botão Permitir. Nem sempre isso é confiável. Fique atento se um aplicativo pedir permissões além do necessário. O WhatsApp precisa ter acesso às suas fotos, microfone e contatos. Mas por que um simples jogo iria precisar de tanta informação, por exemplo? Alguns extrapolam tanto que pedem até para gerenciar ligações telefônicas através do seu aparelho.

Os prejuízos que eles podem causar são enormes e inimagináveis: desde ter acesso e roubar informações pessoais, como fotos, câmera, microfone, conversas, listas de contatos, até roubar dinheiro. Baseados na ilegalidade, os hackers só estão avançando no mundo virtual e lucrando com isso. Por isso, é imprescindível o cuidado perante as redes.

DEIXE UMA RESPOSTA